Li Gênesis e entendi que não há nada como voltar ao início

junho 05, 2018


Tive educação religiosa desde bem novinha, aprendi com meus pais a beleza de um relacionamento com Deus e a importância de uma vida de experiências com Cristo. Apesar disto, preciso confessar que sempre fui relaxada com a leitura da Bíblia. Criei inúmeros projetos para ler e nunca dava continuidade. Nada como a maturidade para mudar essa minha realidade - e uma excelente mensagem no culto, claro.

Estava na Igreja em um dos domingos de setembro de 2017 quando recaiu sobre o meu coração a necessidade de mudar essa realidade. Saí do culto e pedi a meu pai ajuda quanto a isso, já que os meus próprios planos falharam tantas vezes. Ele sugeriu que eu deixasse o Velho Testamento para depois e começasse pela história de Jesus.

Naquele momento, era exatamente o que eu precisava. Tive momentos incríveis de encontros com Deus durante a leitura do Novo Testamento. Acontece que, depois de uns livros e milhares de referências às histórias do passado, das quais eu só tinha ouvido falar até então, senti necessidade de voltar lá em Gênesis.

Durante vários momentos da minha vida, eu comecei a ler a Bíblia por Gênesis e nunca passava da metade do livro. Mas dessa vez a leitura veio de uma necessidade que eu senti e ela foi tão oportuna, porque dessa vez eu refinei o meu olhar para o começo do projeto de Deus. Algumas frases tão comuns no âmbito evangélico passaram a ter um significado tão profundo.

"Deus de Abraão, Isaque e Jacó", "Deus de Israel" são expressões que nunca mais serão ouvidas por mim sem que minha mente se lembre da trajetória de grandes homens com grande intimidade com Deus. Homens que permitiram a atuação de Deus em suas vidas desde os acontecimentos mais naturais até os mais finalistas.

Em Gênesis você descobre as histórias de homens que colocaram a obediência à Deus acima do amor por sua família, que confiaram ao Senhor seus casamentos, que enfrentaram inimagináveis percalços, exploração, engano, escravidão, mas que dedicaram a Deus seu caminho e entregaram a Ele toda a sua vida. Em Gênesis você também reafirma o amor de Deus e o compromisso que Ele tem conosco.

Em Gênesis temos exemplos concretos de homens e mulheres que tiveram zelo com o projeto de Deus, este projeto do qual somos prova viva hoje. Pode parecer besteira, mas em Gênesis você é apresentado aos passos cronológicos do início dos tempos, passando pelas impressionantes histórias de Noé, Abraão, Isaque, Jacó, José, até a ida do povo de Israel ao Egito. 

De repente, essas histórias deixaram de ser soltas no meu conhecimento para fazer parte de uma integralidade sequencial e, cada experiência que eles tiveram, uma após a outra, fizeram com que essa cronologia tão óbvia para alguns fizesse mais e mais sentido.

E o final, tão importante quanto o livro inteiro, deixa a porta aberta para Êxodo, livro seguinte, que continua narrando o cuidado e o amor deste Deus que quer nos libertar de todas e quaisquer amarras. 

Gênesis é o começo de uma história fantástica, a história que Deus escreveu para nós, a nossa história. Entendi que as vezes precisamos retornar ao começo, relembrar qual o projeto e onde tudo iniciou. Dizem por aí que os fins justificam os meios, mas aqui é o início que justifica toda a trajetória. Não deixe de ler sua Bíblia como eu fiz por tanto tempo. Se você já leu, não deixa de retornar ao princípio e relembrar as promessas desse Deus incrível que nos resgatou.

Créditos: Imagem

Posts relacionados

2 comentários

  1. Olá Karol,

    Como é bom saber da sua experiência sincera com a Palavra de Deus. Me identifiquei com a sua dificuldade e com (de repente) um despertar para finalmente conhecer Deus através das escrituras. Estou nessa mesma jornada, porém preferi não seguir uma ordem propriamente dita, intercalo o novo e o velho conforme vou me sentido direcionada.

    Todavia, já li os 4 evangelhos e Gênesis, Êxodo, Deuteronômio, Josué... acho que mais do Velho do que do Novo... Enfim, continue compartilhando essa jornada por aqui.

    Um bj.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. VOcê já leu bastante, Kelly! Ainda tenho um chãozinho até chegar em todos esses livros kkkk. Pretendo continuar compartilhando por aqui sim. São tão importantes os momentos que a gente tem com Deus através das escrituras né? Vamos continuar nessa jornada pq ela é muito especial!!!

      Excluir